Achados e Perdidos: Rory Storm & The Hurricanes, parte 2

Como a banda estava ficando aficcionada em temas Country, inclusive usando indumentárias de cowboys,  Alan Caldwell, que já era conhecido como Rory Storm, sugeriu ao seu novo baterista que mudasse seu nome para Ringo (de anéis, pois Ritchie usava muitos nos dedos e um famoso personagem de filmes de faroeste) Starr (a estrela que o xerife usava na época do Velho Oeste. A própria banda também mudou seu nome para Al Storm & The Hurricanes, Jett Storm & The Hurricanes até fechar em Rory Storm & The Hurricanes.

O début de Ringo na banda aconteceu em março de 1959. Pouco antes disso, o jovem guitarrista dos Quarrymen, George Harrison aproveitou que sua banda estava parada e ofereceu seus préstimos a Rory. Ele havia feito um teste no Morgue para entrar nos Quarrymen um ano antes. Storm recusou o pedido de George por sugestão da mãe, Violet Caldwell, com quem tinha uma grande ligação. Ela o achava muito novo.

Rory e seus rapazes participaram de um concurso de talentos chamado Search for Stars e ficaram em segundo lugar. Em janeiro de 1960, conseguiram fechar uma apresentação no Cavern Club, então um reduto de Jazz de Liverpool, conhecido por seus frequentadores que doiavam Rock e Blues eletricficado. Storm “deu a cara pra bater” e começou o show tocando Cumberland Gap de Lonnie Donegan, que foi tolerada por ser um Skiffle. Mas quando a banda mandou ver Whole Lotta Shakin’ Goin’ On de Jerry Lee Lewis, um clássico do Rock, o tempo fechou. Os puristas começaram a vaiá-los e jogaram moedas de cobre no palco, uma forma de menosprezar o trabalho da banda.

O grande momento da banda veio ao abrir um show de Gene Vincent na cidade, o que chamou a atenção do empresário Larry Parnes, que convidou os Hurricanes para um teste para escolher uma banda de acompanhamento para o rocker inglês Billy Fury numa turnê. Rory aceitou mas o malandro só foi lá para tirar uma foto com Fury. Quem participou do teste foram os Silver Beatles (ex-Quarrymen), que acabaram sendo rejeitados.

Continua no próximo post

Deixe um comentário

Arquivado em Achados e Perdidos, Biografias, Blues, Jazz, Música, Rock and Roll, The Beatles

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s