RIP: outros nomes da música que se foram

Fazendo uma nova pesquisa, detectei outros grandes vultos ligados à música que faleceram nessas duas primeiras semanas do ano:

Odin Fottoh, compositor nascido no Tajiquistão, cujo nome de batismo era  Abdufattoh Odinayev, nasceu no dia 22 de julho de 1938 e foi um dos grandes nomes da cultura daquele país, que já foi uma das nações alinhadas com a União Soviética até 1991. Além de laureado em seu país, também muitos prêmios na Federação Russa, entre os quais o Alexandrov. Faleceu no dia 2 de janeiro de 2012, aos 73 anos.

Osmar Navarro, cantor e compositor brasileiro, nascido em 19 de novembro de 1930 no Rio de janeiro, RJ, Brasil. Começou a gravar discos em 1956 e seu maior sucesso foi a música Quem é de 1959, em parceria com Oldemar Magalhães, que conseguiu o feito de vender mais de um milhão de cópias, sendo gravado por artistas como Trio Nagô, Vocalistas Modernos, Roberto Amaral e Hebe Camargo. Participou do Festival da Record em 1968, compondo Poema de mim, em parceria com o jovem cantor Antônio Marcos, que defendeu a canção. Deixou uma extensa obra, composta por sambas-canção, mambos e músicas populares. Faleceu no dia 5 de janeiro de 2012 aos 81 anos.

Selwyn Baptiste, músico e agitador cultural trinitariano, nascido em 1936 e que se mudou de seu país natal, Trinidad Tobago fixando-se na Inglaterra, onde criou um dos mais célebres eventos culturais da capital do país, Londres. O Carnaval de Notting Hill é uma variação do  Carnaval brasileiro, e Selwyn era um dos principais organizadores. Foi Baptiste que popularizou na Inglaterra o uso de tambores de aço (percussão muito utilizada no Caribe). Uma das músicas mais conhecidas com o instrumento é Carrie Anne dos Hollies. Faleceu no dia 6 de janeiro de 2012 aos 75 anos.

Nicole Bogner, cantora austríaca, nascida em 1984 e que ajudou a fundar a banda de Metal Sinfônico Visions of Atlantis em 2000. Lá, Nicole atuava como vocalista e a banda era inspirada na finlandesa Nightwish. Em 2005, ela saiu e foi subsituída por Melissa Ferlaak, que também deixou o posto em 2009. Faleceu no dia 6 de janeiro com apenas 27 anos após uma grave enfermidade, causando grande comoção em todos os fãs de Rock pesado.

Fontes:

Wikipedia (inglês, russo e alemão)

BBC

Social Rock Club

Lassius Narod

Deixe um comentário

Arquivado em Biografias, Música, Música latina, RIP, Rock and Roll

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s