RIP: grandes nomes da música que se foram, finale

Todd Simko, guitarrista e produtor canadense, nascido em 1966 em Surrey, Columbia Britânica, Canadá. Nos anos 80, formou a banda After All com o amigo baixista Jordy Birch, o baterista Leigh Grant e o vocalista Scott Acomba. Durante um breve momento, a banda mudou o nome para Grin Factory. Em 1991, com a saída de Acomba, Jordy assumiu os vocais e a banda chamou o baixista Dave Hadley. Nascia assim, a sensação do Indie Rock canadense Pure. Durante toda a década de 90, aproveitaram o boom independente na cena canadense, gravaram discos e fizeram shows. A banda terminou em 2000, por diferenças artísticas. A partir de então, Todd começou a trabalhar como músico de estúdio para o cantor Bif Naked (tocou guitarra no primeiro disco dele) e como produtor de bandas como The Be Good Tanyas, Marcy Playground, Xavier Rudd, Big John Bates, The Yoko Casiono’s, Current Swell e The Organ. Também trabalhou com o velho amigo Jordy em alguns trabalhos individuais. Faleceu no dia 25 de abril de 2012 aos 45 anos.

Rafael Talens Pelló, compositor, clarinetista e pedagogo musical espanhol, nascido no dia 9 de setembro de 1933 em Cullera, Valência, Espanha. Começou a aprender música com o pai, clarinetista da Sociedade Instrutiva Santa Cecília de Cullera. Depois, entrou no Conservatório Superior de Valência, onde aprendeu clarineta com Lucas Conejero, piano (com Leopold Magenti e José Roca) e harmonia e regência com José Férriz. Aos 18 anos, encontrou osbtáulcos para sua aceitação na Banda do Chefe de Estado e em sua estada em Valência (capital da província), aprofundou seus conhecimentos em composição no Conservatório Real Superior de Música, sob direção do maestro Antón Garcia Abril. Após se formar nos anos 50, acompanhou grandes cantores como Lucho Gatica, Luis Mariano e Juanito Valderrama. Nos anos 70, começou a atuar como professor de música. Faleceu no dia 25 de abril de 2012 aos 79 anos.

Wim Franken, compositor e pianista holandês, nascido em 1921 em Amersfoort, Holanda. Se formou na Escola Reginal de Música de Amersfoort e durante muitos anos lecionou na instituição. Como compositor, Franken era interessado nos aspectos espaciais da música. Foi então que compôs In De Wind (No Vento), de 1982, utilizando três carrilhões, metais e percussão. Sua obra foi aclamad´ssima na cidade e teve repercussão nacional. Depois escreveu e executou de Vloed in Klank (O Dilúvio no Som), basaeada no episódio bíblico narrado no Livro de Gênesis. Faleceu no dia 26 de abril de 2012 aos 90 anos.

John Anthony Birch, organista e diretor coral inglês, nascido no dia 9 de julho de 1929 em Derbshire, Inglaterra. Foi educado no Colégio Trent, até 1947, quando começou a aprofundar seus conhecimentos musicais no Colégio Real de Música em Londres. Em 1953, tornou- se o rpincipal orgnista e Mestre de Coro na proeminente igreja anglo-católica All Saints em Margareth Street. Mudou-se para Chichester, onde se tornou Mestre de Coro e organista da igreja local. Fez uma seleção de trabalhos corais apartir de peças de Leonard Bernstein, Lennox Berkeley, William Walton, William Albright e Herbert Howells. Em 1959, começou a lecionar música no Colégio Real. Faleceu no dia 28 de abril de 2012, aos 82 anos.

Fonte:

Wikipedia

http://www.thedeadrockstarsclub.com/2012.html

Deixe um comentário

Arquivado em Biografias, Jazz, Música, Música Erudita, RIP, Rock and Roll

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s