Rock Setentista: Thin Lizzy, finale

Após a morte de Phil Lynnot, seus antigos colegas de banda realizaram muitos tributos ao grande amigo e em 1996, decidiram voltar com o Thin Lizzy como banda de revival e teve várias alterações na formação, inclusive com a saída do membro fundador Brian Downey. Gravaram o álbum inédito One Night Only em 2001 e partiram para projetos individuais.

Após um lapso de três ano, em 2004, Gorham e Sykes reativaram a banda, contando com o baixista Randy Gregg (ex-Angel) e o baterista Michael Lee (nascido no dia 19 de novembro de 1969 em Darlington, Inglaterra), que tocou com Robert Plant e The Cult. Essa formação fez uma turnê junto com o Deep Purple. Marco Mendoza voltou ao baixo no ano seguinte. No ano seguinte, uma estátua em homenagem a Phil Lynnot foi erigida em Dublin numa cerimônia que contou com muitos ex-membros do Thin Lizzy que fizeram um memorável show, capitaneados pelo guitarrista e grande amigo de Phil, Gary Moore, também contando com a presença do baixista do Jethro Tull, Jonathan Noyce. O batera Tommy Aldridge, que tocara de 1998 a 2001 voltou à banda em 2007. Findo o compromisso, Mendoza saiu e foi substituído por Francesco DiCosmo, que tocou no concerto do Hammersmith Apollo em Londres.

Em 2009, foi a vez de Sykes deixar o Lizzy, após desentendimentos com Gorham. Aldridge se machucou e também saiu e a banda recebeu de volta o fundador Brian Downey, bem como o sempre prestimoso tecladista Darren Warthon, o guitarrista Vivian Campbell (ex-Def Leppard), o vocalista Ricky Warwick (nascido em 11 de julho de 1966 em Newtownards, County Down, Irlanda do Norte), que cantava no The Almighty (também tocando guitarra ocasionalmente) e o velho baixista Marco Mendoza. O guitarrista da formação clássica Brian Robertson foi convidado mas devido a inúmeros compromissos teve que recusar.

Em 2011, Campbell deixou a banda para retirnar ao Leppard e foi substituído durante um tempo por Richard Fortus (Guns’n’Roses) e depois por Damon Johnson (nascido no dia 13 de julho de 1964 em Macon, Georgia, EUA), ex-Alice Cooper, estabilizando o Lizzy nessa atual formação (Downey, Gorham, Warthon, Warwick e Johnson). Em junho de 2012, a banda voltou ao estúdio para gravar material inédito, que vai ser lançado ainda este ano.

E o que aconteceu aos antigos memrbos da banda? O guitarrista Eric Bell, que tocou no Lizzy entre 1969 e 1973, deixou a banda devido à piora de seu estado de saúde. Em 1974 entrou na banda do baixista Noel Redding, que havia tocado no Jimi Hendrix Experience. Nos anos 80, fez memoráveis jams no concerto de despedida do Lizzy e participou de vários shows-tributo a Phil Lynnot. O tecladista Eric Wrixon, outro membro fundador, saiu um ano depois para um retorno do Them, sua antiga banda, responsável pelo lançamento do cantor Van Morrison. A banda fez inímeros shows e terminou em 1979, voltando a se reunir em 1993. Gary Moore, que sempre retornou ao Thin Lizzy em momentos de crise, teve uma sólida carreira solo e sua banda contou com muitos nomes renomados do Hard Rock e Heavy Metal, como o já citado Vivian Campbell, o baixista Bob Daisley, o batera do Deep Purple Ian Paice, entre outros e fez um grande sucesso (inclusive no Brasil) com a canção Still Got the Blues (1990). Faleceu em 6 de fevereiro de 2011. Brian Robertson foi outro ex-Lizzy que se deu bem na carreira solo e formou a banda Wild Horses com o ex-baixista do Rainbow Jimmy Bain. Tocou ainda com o lendário Eric Burdon (ex-Animals) e em 1983, respondeu ao chamado do amigo Phil na turnê de despedida do Lizzy e em muitos revivals da banda. Nesse ano, tocou no Motörhead, substituindo o guitarrista Eddie Clarke. Participou da cerimonia da inauguração da estátua de Phil Lunnot em 2005 e até hoje continua na ativa. Midge Ure (tecladista do Ultravox), que esteve no Thin Lizzy em 1979 e 1980, foi um dos criadores do megaevento dos anos 80 Live Aid e depois se engajou em muitas causas sociais. Snowy White (que tocou na banda de 1980 a 1982), voltou a trabalhar com o Pink Floyd no álbum The Wall, esteve presente na turnê de despedida do Lizzy e tem se alternado em seus projetos solo e participações em trabalhos do baixista do Floyd Roger Waters. O batera Michael Lee, que tocou no segundo retorno do novo Lizzy, tendo ficado até 2007, faleceu em 2008, aos 39 anos. O guitarrista John Sykes, que tocou a banda em 1982 e 1983, fez parte das bandas Whitesnake e Blue Murder e foi responsável pela volta do Thin Lizzy em 1996 e 2004. Após sua saída intempestiva em 2009, decidiu abraçar vários projetos solo.

Thin Lizzy no início do ano

Fontes:

Wikipedia

http://www.thinlizzy.org/

Deixe um comentário

Arquivado em Aniversariantes, Biografias, Música, Rock and Roll, Rock Setentista

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s