Grandes Nomes do Soul: Atlantic Starr, parte 1

No Brasil, eles são considerados One Hit Wonder (bandas/artistas que fizeram sucesso com apenas uma música) depois de seu estouro com a linda balada Always, mas nos EUA são uma das mais queridas bandas de Soul, Funk e Charm (tendência romântica surgida na década de 80). Vamos falar do Atlantic Starr.

Em meados de 1976, o trompetista Duke  Jones formou uma banda, em Greenburgh, Nova York,  EUA, chamando o baterista Porter Carroll Jr., o baixista Clifford Archer, o percussionista e flautista Joseph Phillips, o guitarrista Sheldon Tucker e para a linha de frente, os irmãos Wayne Lewis (nascido no dia 13 de abril de 1957 em White Plains, NY, EUA), nos teclados e vocais; David Lewis (nascido em setembro de 1958 em White Plains, NY, EUA ) nos vocais e guitarra, e Jonathan Lewis na percussão e trombone. A banda recebeu o nome de Newban com uma sonoridade calcada nos figurões Earth, Wind & Fire, LTD, New Birth e Commodores.

Em 1977, mudaram-se para Westwood na California, onde gravaram seus dois primeiros álbum Newban e Newban 2 pela Guiness Records. As mudanças em seu line up começaram a ocorrer em seus primeiros meses de existência. O agregador e primeiro líder Duke Jones saiu para a entrada de William Suderth e Sheldon Tucker saiu, sem sequer ter gravado com eles. Em adição ao time que ficou na banda, liderado pelos irmãos Lewis, foram recrutados a cantora Sharon Bryant (nascida em 14 de agoto de 1960 em Westchester  County, NY, EUA) e os saxofonista Damon Rentie. Começaram a tocar em clubes de R&B, até serem descobertos por executivos da gravadora A&M de Herb Alpert, que sugeriu que mudassem o nome da banda. Eles já estavam cogitando um novo nome que tivesse algo a ver com “Starr”. Aí lembraram de suas origens na Costa Leste (o Oceano Atlântico) e emendaram com Atlantic Starr

Em 1978, sob tutela do badalado e respeitado produtor/compositor da A&M Bobby Eli, guitarrista do espetacular grupo de Soul MFSB (do lendário estúdio da  Philadelphia Sound, referência máxima do Soul dos anos 70) gravaram o primeiro álbum Atlantic Starr. Atuaram como músicos de apoio o p´roprio Eli (guitarra líder), os saxofonistas Koran Daniels e Steve Mallory, além da seção de cordas Don Renaldo and the Phyllis Strings, sensacional grupo de cordas e metais ligado ao Phyllis Sound (Som da Philadelphia) que acompanhou feras do Soul como Major Karris e Blue Magic. Destacam-se músicas como Stand Up (Wayne Lewis), Keep it ComingWith Your Love I Come Alive (Bobby Eli & Jeff Prusan). A recepção foi modesta (21º lugar na parada R&B, 67º nos charts Pop da Billboard), mas a gravadora continuou acreditando no potencial do grupo.

Em 1979, foi lançado Straight to the Point, outra produção de Bobby Eli que também mandou ver na guitarra íder e chamou de volta Koran Daniels e Don Renaldo e sua maravilhosa seção de cordas. O disco contou com faixas 100% escritas por Eli, com destaque para (Let’s) Rock & Roll, What’cha Feel Inside e Losin’ You. Novamente, a receptividade foi aquém do esperado, conseguindo chegar ao 65º posto dos charts de R&B e ficando no 142º lugar na parada Pop. Ainda não era dessa vez que a banda encontrava seu lugar ao sol.

Em 1981, saiu da produção Bobby Eli e entrou James Carmichael, lançando o álbum Radiant, gravado apenas pela banda, sem músicos de apoio. Destaque para a ótima When Love Calls (David Lewis, Wayne Lewis), que se converteu num single muito bem sucedido (5º lugar na parada R&B!). Também fazem parte do disco outros dois clássicos do Atlantic Starr, Am I Dreaming? (Sam Dees) e Send for Me (Dees, Ron Kersey). No total, o disco também foi muito bem nas paradas (5º lugar nos charts R&B, 47º lugar nos charts Pop). A A&M foi recompensada por sua paciência com seus contratados.

Continua no próximo post

Newban: as origens do Atlantic Starr Créditos: http://www.bbemusic.com/images/temp/newban.jpg

Newban: as origens do Atlantic Starr
Créditos: http://www.bbemusic.com/images/temp/newban.jpg

Deixe um comentário

Arquivado em Biografias, Grandes Nomes do Soul, Grupos vocais, Música, Soul e R & B

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s