Deep Purple Family Tree: The Artwoods, finale

Art Wood formou a banda de Skiffle Art Wood Combo e em 1962, começou a atuar paralelamente na banda Blues Incorporated. Com a entrada de Jon Lord (teclados), Derek Griffths (guitarra), Malcolm Pool (baixo) e Keef Hartley (bateria), a banda mudou o nome para The Artwoods e se tonou banda residente do 100 Club, alem de assinar com a gravadora Decca Records. Apesar do sucesso que tinham em suas aparições em programas televisivos, os Artwoods nunca conseguiram emplacar na indústria fonográfica. Depois de inúmeros fiascos, foram dispensados pela Decca, gravaram pela Parlophone e pela Fontana, mas também não lograram êxito, decretando o fim em 1967.

O batera Keef Hartley começou a tocar nos Bluesbreakers de John Mayall e pouco depois formou sua banda, Keef Hartley Band, que fez bastante sucesso no fim dos anos 60, chegando a fazer bonito no Festival de Woodstock. Jon Lord juntou-se aos Flowerpot Men e depois foi recrutado pelo baterista e cantor Chris Curtis (ex-Searchers) e o baixista Nick Simper para um projeto chamado Roundabout, que em 1968 deu origem ao Deep Purple. Malcolm Pool também chegou a tocar nos Bluesbreakers até sair de cena definitivamente no fim da década.

Em 1969, Art Wood formou com o irmão mais novo Ronnie Wood (guitarra) a banda de curta duração Quiet Melon, que ainda tinha em sua formação Rod Stewart (vocais) mais os Small Faces Ronnie Lane (guitarra), Kenny Jones (bateria), Ian McLagan (teclados), egressos dos Small Faces e Kim Gardner (baixo). Como a banda não emplacou, Art se se tornou designer gráfico, abrindo uma empresa como o irmão mais velho Ted Wood, contando depois com o velho colega de Artwoods Malcolm PoolRonnie, Rod, Ronnie e Ian formaram The Faces e Gardner fez parte do Ashton, Gardner & Dyke, banda de Jazz-Rock.

Embora nunca mais tenha se apresentado no circuito profissional, Art nunca deixou a música de lado, tocando informalmente com Downliners Sect e Carlo Little [primeiro batera dos Rolling Stones] All-Stars. Fez algumas reuniões com os velhos colegas de Artwoods, contando com o mano Ronnie, mas nada verdadeiramente grande.

Art Wood faleceu no dia 3 de novembro de 2006, vítima de um câncer na próstata. Um ano depois, houve uma reunião significativa dos Artwoods que contou com Ronnie, Lord, Pool, Derek Griffiths, o batera Colin Martin e o cantor Ali Mckenzie num belo tributo ao falecido amigo. Keef Hartley faleceu no dia 26 de novembro de 2011, após complicações de uma cirurgia. Jon Lord foi fazer companhia a seus colegas de Artwoods no dia 16 de julho de 2012.

Fonte:

Wikipedia

http://www.freakium.com/edicao7_artwoods.htm

Artwoods nos bons tempos crédito: http://www.freakium.com/edicao7_artwoods01.jpg

Artwoods nos bons tempos
crédito: http://www.freakium.com/edicao7_artwoods01.jpg

Deixe um comentário

Arquivado em Biografias, Blues, Deep Purple, Deep Purple Family Tree, Jazz, Música, Rock and Roll

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s