Doo Wop & Vocal Groups Review: The Dells, parte 1

Um grupo vocal que teve início nos anos 50 e foi um dos sobreviventes do declínio do Doo Wop na década de 60, ao incrementar os arranjos vocais com uma roupagem mais cheia de Soul e R&B. É um dos poucos grupos nesses moldes a fazer parte do seleto Rock and Roll Hall of Fame. Vamos falar de The Dells.

A história do grupo começou em 1952 quando o barítono/vocalista principal Marvin Junior (nascido no dia 3t de janeiro de 1936 em Arkansas, EUA), o segundo tenor Verne Allison (nascido no dia 22 de junho de 1936 em Chicago, Illinois, EUA), o barítono Mickey McGill (nascido no dia 17 de fevereiro de 1937 em Chicago, Illinois, EUA), o baixo Chuck Barksdale (nascido no dia 11 de junho de 1935 em Chicago, Illinois, EUA) e o primeiro tenor/vocalista principal Johnny Funches (nascido no dia 18 de julho de 1935 em Chicago, Illinois, EUA) e o segundo tenor Lucius McGill (nascido em 1935 em Chicago, Illinois, EUA), todos estudantes da Thornton Township High School, se juntaram para formar o grupo vocal The El-Rays.

Em 1954, McGill saiu e o grupo resolveu se manter como quinteto, como mandava o figurino dos grupos vocais dos anos 50. Foram descobertos pela Checker Records, onde gravaram seu primeiro single, Darling I Know, que foi um verdadeiro fiasco comercial. No ano seguinte, eles rebatizaram a banda de The Dells e assinaram com a gravadora Vee Jay Records, lançando os singles Tell the World e Zing Zing Zing.

Em 1956, saiu o single Oh What A Night!, que foi um grande sucesso e seu primeiro hit, música composta por Johnny Funches e Marvin Jr. O disco ficou em 5º lugar nos charts R&B, chegando a mais de um milhão de cópias vendidas, o que valeu ao grupo seu primeiro disco de ouro e o reconhecimento nacional. No mesmo ano, saiu o single I Wanna Go Home e no ano seguinte, saíram os singles Why Do You Have to Go, A Distant Love e Pain in My Heart.

Em 1958, foram lançados mais três singles: What You Say Baby, I’m Calling e My Best Girl, mas nenhum deles com a vendagem de Oh What a Night!, seu grande hit. Mesmo assim, o grupo tocou no circuito principal de artistas da Primeira Onda e curtiram seu sucesso. Nesse ano, um acidente de carro que quase matou Mickey McGill fez com que o fim do grupo fosse decretado. Nesse meio tempo, Chuck Barksdale atuou no grupo vocal Harvey Fucqua & The Moonglows, que contava com o jovem [e futuro grande nome do Soul] Marvin Gaye como baterista (depois um dos vocalistas). A gravadora deles lançou seu primeiro álbum Oh What a Night!

Em 1961, após um lapso de três anos, o grupo se reuniu para um teste para acompanhar a cantora Dinah Washington. A diva do R&B gostou do que ouviu e contratou os Dells como seu grupo de apoio. Nesse ano, Johnny Funches, o vocalista principal do grupo saiu alegando que queria cuidar da família. Para seu lugar, foi chamado o primeiro tenor Johnny Carter (nascido no dia 2 de junho de 1934 em Chicago, Illinois, EUA), dono de um falsete fenomenal. Ele havia atuado como cantor principal e fundador do conhecido grupo vocal The Flamingos. Funches ainda continuou no staff de Dinah Washington por dois anos.

Continua no próximo post

Deixe um comentário

Arquivado em Biografias, Doo Wop & Vocal Groups Review, Grupos vocais, Música, Rock and Roll, Soul e R & B

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s