Doo Wop & Vocal Groups Review: The Dells, parte 1

Um grupo vocal que teve início nos anos 50 e foi um dos sobreviventes do declínio do Doo Wop na década de 60, ao incrementar os arranjos vocais com uma roupagem mais cheia de Soul e R&B. É um dos poucos grupos nesses moldes a fazer parte do seleto Rock and Roll Hall of Fame. Vamos falar de The Dells.

A história do grupo começou em 1952 quando o barítono/vocalista principal Marvin Junior (nascido no dia 3t de janeiro de 1936 em Arkansas, EUA), o segundo tenor Verne Allison (nascido no dia 22 de junho de 1936 em Chicago, Illinois, EUA), o barítono Mickey McGill (nascido no dia 17 de fevereiro de 1937 em Chicago, Illinois, EUA), o baixo Chuck Barksdale (nascido no dia 11 de junho de 1935 em Chicago, Illinois, EUA) e o primeiro tenor/vocalista principal Johnny Funches (nascido no dia 18 de julho de 1935 em Chicago, Illinois, EUA) e o segundo tenor Lucius McGill (nascido em 1935 em Chicago, Illinois, EUA), todos estudantes da Thornton Township High School, se juntaram para formar o grupo vocal The El-Rays.

Em 1954, McGill saiu e o grupo resolveu se manter como quinteto, como mandava o figurino dos grupos vocais dos anos 50. Foram descobertos pela Checker Records, onde gravaram seu primeiro single, Darling I Know, que foi um verdadeiro fiasco comercial. No ano seguinte, eles rebatizaram a banda de The Dells e assinaram com a gravadora Vee Jay Records, lançando os singles Tell the World e Zing Zing Zing.

Em 1956, saiu o single Oh What A Night!, que foi um grande sucesso e seu primeiro hit, música composta por Johnny Funches e Marvin Jr. O disco ficou em 5º lugar nos charts R&B, chegando a mais de um milhão de cópias vendidas, o que valeu ao grupo seu primeiro disco de ouro e o reconhecimento nacional. No mesmo ano, saiu o single I Wanna Go Home e no ano seguinte, saíram os singles Why Do You Have to Go, A Distant Love e Pain in My Heart.

Em 1958, foram lançados mais três singles: What You Say Baby, I’m Calling e My Best Girl, mas nenhum deles com a vendagem de Oh What a Night!, seu grande hit. Mesmo assim, o grupo tocou no circuito principal de artistas da Primeira Onda e curtiram seu sucesso. Nesse ano, um acidente de carro que quase matou Mickey McGill fez com que o fim do grupo fosse decretado. Nesse meio tempo, Chuck Barksdale atuou no grupo vocal Harvey Fucqua & The Moonglows, que contava com o jovem [e futuro grande nome do Soul] Marvin Gaye como baterista (depois um dos vocalistas). A gravadora deles lançou seu primeiro álbum Oh What a Night!

Em 1961, após um lapso de três anos, o grupo se reuniu para um teste para acompanhar a cantora Dinah Washington. A diva do R&B gostou do que ouviu e contratou os Dells como seu grupo de apoio. Nesse ano, Johnny Funches, o vocalista principal do grupo saiu alegando que queria cuidar da família. Para seu lugar, foi chamado o primeiro tenor Johnny Carter (nascido no dia 2 de junho de 1934 em Chicago, Illinois, EUA), dono de um falsete fenomenal. Ele havia atuado como cantor principal e fundador do conhecido grupo vocal The Flamingos. Funches ainda continuou no staff de Dinah Washington por dois anos.

Continua no próximo post

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Biografias, Doo Wop & Vocal Groups Review, Grupos vocais, Música, Rock and Roll, Soul e R & B

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s